Sábado, 26 de Janeiro de 2008

Apeteceu-me

Agora apetece-me a luz....

 

Vamos lá para http://desvirtualidadesreais.blogspot.com/

 

...


publicado por alma_transparente às 02:30
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quinta-feira, 24 de Janeiro de 2008

Sabores

 

 

O desafio era cada nadador colocar-se nos extremos opostos da piscina, quando fosse dado o sinal partíamos em caça do adversário.

 

Conhecendo a presa, sei que os anos de treino me dão vantagem, resistência e fôlego suficiente para vencer.

 

Neste ponto, e já a sentir a adrenalina, mesmo num jogo a feijões, não consigo nadar calmamente e deixar que a derrota chegue ao adversário através do cansaço.

 

Porque a vitória, ainda que inútil, tem muito mais sabor quando se nada desalmadamente, a sentir os braços e pernas como se não nos pertencessem e o coração a sair pela boca... a vitória é muito mais saborosa quando a caça está a dar tudo por tudo para não ser caçada... a vitória, essa, é muito mais satisfatória quando damos de nós e não esperamos que venha ao nosso encontro simplesmente...  

 

Podia deixar nadar, esperar que o cansaço tomasse conta da caça, pacientemente, sem me desgastar...com a certeza que ia vencer... não deixava de ser um tipo de vitória...mas com muito menos sabor!   

 

 

 


publicado por alma_transparente às 23:49
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 22 de Janeiro de 2008

Curioso

"Só se é curioso na proporção de quanto se é instruído"

 

 

Jean Jacques Rousseau

publicado por alma_transparente às 19:40
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Aqui também??

 

Agorinha, no meu passeio normal pelo mundo virtual, deparo-me com uma verdadeira peixeirada nos comentários... ri a bom rir, as pessoas envolvidas afirmavam-se formadas e cultas e no entanto estavam ali....

 

Cada vez mais, acho estranho certas atitudes...se não interessam, se nem gostam dos sítios , para quê o desgaste?!... Não tenho sangue de barata, mas só desperdiço a energia com quem vale a pena e acho que estou no bom caminho, cada vez mais deixo que as coisas insignificantes não me incomodem...é a liberdade que tenho!  

 

 

 


publicado por alma_transparente às 14:42
link do post | comentar | favorito

Proposta

 

Hoje tive um convite, disse-me, vem ter comigo e deixa-me aquecer-te....

 

 

Ass: o Sol

 

 


publicado por alma_transparente às 09:37
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 21 de Janeiro de 2008

Conceito de tempo

 

 

 

A Alma faz hoje três meses! Ena tanto tempo!!!

 

The dark side of the soul,  muitas vezes excessivo... não maçar os reais é o objectivo...

 

Estará na hora de mudar...? ou continuar o desafio...? ... a vontade impera!

 

 

 

 

 


publicado por alma_transparente às 23:02
link do post | comentar | favorito
Domingo, 20 de Janeiro de 2008

Palavrinhas...

Há palavras e palavras. Palavras que querem dizer uma coisa e afinal são outra. Palavras que têm um significado diferente conforme o tom em que são ditas. Palavras, um universo de interpretações para as almas que gostam de divagar.

 

Eu sempre fui impulsiva nas palavras faladas e escritas, o que ocorre é o que sai, assim, sentido. Ainda que muitas vezes usadas com uma almofada chamada ironia, que suavizam a critica.

 

Há palavras que não consigo interpretar da forma normal, básica e exacta. Resumem-se principalmente às palavras terminadas em "inha(o), todos os adjectivos escolhidos para a descrição de uma pessoa ou coisa que acabe em "inho" é como um antónimo para mim.

 

Girinho, engraçadinho, bonitinho, espertinho, arranjadinho...etc...= feio e desenrascado.

 

Não vou dizer que não utilizo estas expressões, é verdade. Apesar de tentar ser o mais directa possível, não posso atirar com um é horroroso, ou feio vá...o casaco que compras-te nos saldos só porque estava a com 89,5% de promoção...não vale a pena pôr a pessoa a pensar e a dizer-me que sou insensível. Mas por outro lado as pessoas que me colocam estas questões sabem o significado do meu girinho e engraçadinho, mas neste ponto, em vez de amuarem, apenas me sorriem e dizem..."tu és mesmo..."

 

Claro que no campo das pessoas é exactamente a mesma coisa...havendo uma palavra que tenho utilizado que é mais abrangente nos aspectos positivos mas acaba por não fazer grande diferença... é o fofinho, e se este fofinho for pronunciado de forma acentuada, fófinho ainda se torna pior...por isso, fófinhos, até se tornarem feios ou interessantes não deixo de achar apenas uma piadinha = desinteresse. 

 

 

 

 


publicado por alma_transparente às 12:20
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 18 de Janeiro de 2008

Isto é real!

Entro no correio e deparo-me com os normais e inúmeros e-mails por abrir que contêm FW antes do assunto, mais alguns de amigos habituais e este de uma pessoa conhecida, que não é muito habitual dar noticias...sem Fw e com um " isto é real" no assunto intrigou-me e abri.

 

Qual não é o meu espanto quando me deparo com o desmascarar de todo o meu ser. E quando eu pensava que a conhecida era apenas uma conhecida, afinal sabe tudo sobre mim!

Agradeço a dedicação e o tempo ganho (comigo só se ganha) a mandar a minha personalidade por escrito e ainda por juntar 16 anos de azar aos outros 3942 dos e-mails que estão por abrir.

 

Não posso deixar de partilhar, vá-se lá saber quantos caranguejos andam por aí perdidos, sem saberem quem são...SIM, porque isto é real!!! é o que somos caranguejos deste planeta, não há hipótese...

 

 

Caranguejo by Alma:

 

CARANGUEJO: o Protector mal-humorado. (tem dias...)


Emocional. (depende da lua e já agora das mares...se o mar estiver flat..uiui)


Pode ser tímido. (pode pode!)


Muito amoroso e gentil.(treinos intensivos no amorosa, gentil sempre que dá jeito)


Bonito.(desculpe!? beleza arrebatadora faz favor!)


Sócios excelentes para vida. (há dúvidas!? é só entrarem com o dinheiro e o corpinho, que eu faço a minha parte...)


Protector. (chuiii...não é para se dizer!)


Inventivo e imaginativo. (aiaiaiai)


Cauteloso.(uiuiuiui)


Tipo de pessoa sensível.(muito, muito, mas muito sensivel, mas tenho uma carapaça que assenta só bem!) 


Necessidade de ser amado pelos outros.(muito amor, eu quero amor, rios...não! mares de amor!)


Magoa-se facilmente, mas simpático. (se não tiver a carapaça..., simpatica, é falar com a cabra senhora arrogante onde fui comprar umas calças no outro dia...)


16 anos de azar se você não remete. (ok...e se fizer boas acções? tipo deixar passar um carro todos os dias ali no cruzamento?)

Obrigada, sinto-me muito mais completa! ah e feliz!


publicado por alma_transparente às 09:42
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
Quinta-feira, 17 de Janeiro de 2008

Portugal, o paraíso!

Voos rasantes da força aérea provocam stress em 8000 coelhos e o risco de aborto nas vacas!

 

Os gato fedorento já entraram no activo e ninguém me tinha avisado, agora já sei que é na Sic às 13h.....

 

Vou ver se acalmo o salmão que ainda anda aqui às voltas com tanto rir...

 

 

 


publicado por alma_transparente às 13:59
link do post | comentar | favorito

Desencontros

 

 

Dizem que somos nós, homens, que dificultamos a própria vida e existência, mas afinal tudo não passa de encontros desencontrados.

Mr.X

 

 

 

Nem sempre o que sentimos tem de ser dito por nós... 

 

 


publicado por alma_transparente às 09:37
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Genes!

Tenho um míni macho de 6 anos a conviver comigo diariamente , filho da minha irmã,  é vizinho, único sobrinho e ainda afilhado.

 

Esforço-me, também eu,  por transmitir-lhe todos os valores que considero importantes para um crescimento saudável, com conteúdo e consistente.

 

Dou-lhe a minha música, livros para as fases que tem passado..enfim ponho tudo ao seu dispor para que possa crescer com variedade e tenha opções para escolher o que mais gosta...nisto tudo e o mais importante, são as conversas que tenho com ele...que aprenda a defender-se sozinho sem vir para casa dizer que lhe bateram, que não seja rude para as meninas, que seja sempre educado e esteja pronto a ajudar, que olhe com igualdade os que são diferentes exteriormente...

 

Mas existem coisas que estão nos genes masculinos, e ele é a prova disso, apesar de ser ainda míni, já é macho;

 

 "tenho uma namorada"..."ai sim, e como é que ela é?" ..."é loira e tem olhos azuis",

 

ah..." e o teatro que foste hoje, conta-me lá a história ...."..."a história...foi gira...posso ir ver os bonecos??"

 

..."queres vir ao centro comercial connosco ?"..."o quê!? nem penses!"....pois...

 

"ouve lá, tu tens ouvido alguma coisa que eu tenho dito neste últimos 4 anos!?"... "ah?!"...." ó madrinha, estás tola!?!?!"

 

Fica perdoado quando se despede de mim e numa tentativa árdua de me arrancar a cabeça com os antebraços, me diz "gosto de ti como daqui até à lua!" e eu de ti, amor meu,  por quem dava a vida...

 

 

 

 

 

 

 


publicado por alma_transparente às 00:31
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 16 de Janeiro de 2008

Corrente

 

Estes dias cinzentos têm uma beleza especial... 

 

 

Foto de Susana Silva

 

...em que apetece deixar que a corrente nos leve...

 

 

 

 

 


publicado por alma_transparente às 09:33
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Terça-feira, 15 de Janeiro de 2008

Simplesmente único.

 

 

O Sonho de Cassandra

 

Woody Allen é Woody Allen, e acabei por ter ainda mais vontade de ver o filme pelo facto de ter ouvido dizer que não era nada de extraordinário...

 

Saí a pensar na importância dos princípios e como variam de pessoa para pessoa, na relatividade de tudo o que nos rodeia e na miopia que o amor pode causar...saí também a rir ao lembrar de algumas cenas que só o Senhor Woody se lembraria, e ainda a pensar com qual deles, fora das personagens, não me importava de ficar...

 

Para não falar que o Senhor Woody transforma o filme numa espécie de tortura chinesa para quem está a tentar esquecer o tabaco, o cigarro é o actor principal sem deixas. E ainda se paga 5,50€ por uma cadeira e o filme tem intervalo!!! (nesta sala não me apanham mais...) e este intervalo, agora, é que não serve mesmo para nada, digo eu...!

 

(e eu não sou fumadora...se fosse, ontem havia motim, ah pois havia!)

 

 

 

 

 

 


publicado por alma_transparente às 09:41
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 14 de Janeiro de 2008

Saldos

 

Fui ao supermercado e encarei com saldos de livros.

 

Livros a 2,50€ e 1,50€, ainda demorei a escolher...não é propriamente fácil conseguir manter intacta a réplica da Torre Eiffel by the Book , qual Al-Qaeda me sentia... lá escolhi e comprei.

 

Depois pensei, como é que serão atribuídos os preços de saldos a livros, com que princípios ...nas folhas amarelecidas, nas rugas visíveis de tanto passar por mãos descuidadas...ou então pela fama do autor...será um sorteio aleatório de armazém que sujeita os desgraçados ao triste preço de 1,50€ !?...

 

Chego a casa, mostro as boas compras que fiz à mana e recebo um...nem sei como vais conseguir ler isso, só os títulos ...

 

E aí penso...

 

não ando bem...

 

ando a pensar demais...

 

 

 

 

 


publicado por alma_transparente às 10:18
link do post | comentar | favorito
Domingo, 13 de Janeiro de 2008

Navegando

Gosto de blogs, entrar, ler, apreciar a estética e deixar-me divagar pelas personagens criadas onde podem ser tudo o que querem...pelas suas vidas ou falta dela..., pelas histórias e fábulas,...ou então descobrir que muitos estão, realmente, a desempenhar o mais difícil papel, deles próprios...como num imenso mar, aqui também se encontra de tudo, grande vantagem esta, a da variedade, o poder escolher...poder optar entre o ficar ou continuar como se nunca lá tivesse estado...o lado de voyeur totalmente saciado aqui.

 

Num destes passeios encontrei este blog:  http://fabricadashistorias.blogs.sapo.pt/, um lugar interessante, onde cada pessoa dá a sua imaginação para a continuidade da história, parti com a certeza de continuar a seguir e se apetecer, voltar a dar de mim...

 

Esta foi a minha parte:

 

"Pagou e aventurou-se pelo mesmo caminho...desta vez sentiu-o diferente...sem querer aprofundar o porquê, continuou. Os seus passos acompanhavam o batimento cardíaco, ambos acelerados ...compassos que lhe eram familiares através dos livros, às vezes sentia-os no peito também, mas era mais raro...
Hoje foi diferente pensou. Para além do saco que transportava, que seria um banquete para o seu companheiro, trazia também pensamentos, novos, que o distraíam do que se passava no mundo por onde caminhava e o faziam sorrir...
Quando entrou na sua rua e uma gota grossa o atingiu, acordou... o guarda-chuva!? o único e que tanta falta me faz...calculou que estivesse caído e abandonado algures, indiferente para quem passava...
Parou e como que à espera que a chuva lhe desse a resposta...pensou..."


publicado por alma_transparente às 23:06
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Sexta-feira, 11 de Janeiro de 2008

Tempo

 

Tempo que tem um tempo diferente em cada situação...

 

Tempo que parece faltar quando a corrente está a nosso favor...e tempo estupidamente mal parado...

 

Preciso de tempo...mas já tive tempo suficiente para tudo o que ainda não vivi...

 

Mau tempo...aquele, em que fui outra pessoa, sem ninguém do lado... bom tempo, esse, à espera de ser preenchido...

 

Grito-te tempo, não para voltares atrás, parares no tempo, ou passares à frente...mas para acompanhares o meu passo...

 

 

...ou serei eu a ter de acompanhar o teu? 

 


publicado por alma_transparente às 09:40
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
Quinta-feira, 10 de Janeiro de 2008

Primeiro Eu

Ando assim...

 

 

concentrada no meu umbigo...

 

 


publicado por alma_transparente às 23:17
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Quarta-feira, 9 de Janeiro de 2008

Súplica

Agora que o silêncio é um mar sem ondas,
E que nele posso navegar sem rumo,
Não respondas
Às urgentes perguntas
Que te fiz.
Deixa-me ser feliz
Assim,
Já tão longe de ti como de mim.

Perde-se a vida a desejá-la tanto.
Só soubemos sofrer, enquanto
O nosso amor
Durou.
Mas o tempo passou,
Há calmaria...
Não perturbes a paz que me foi dada.
Ouvir de novo a tua voz seria
Matar a sede com água salgada.


 

Miguel Torga


publicado por alma_transparente às 00:32
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 8 de Janeiro de 2008

Tradicional

 

Estes dias num acto de rotina essencial à minha sobrevivência, entrei numa confeitaria e ao pedir o do costume, sou presenteada com uma meia de leite que transportava uma espécie de...colher... Espécie porque a suposta colher, era muito à frente, pesquisei no goggle para tentar compreender como foi o nascimento de tal objecto...e nada...nem esta poderosíssima ferramenta me deu resposta ou tão pouco conhece semelhante coisa...

 

Era um pedaço de inox (?) completamente achatado, isto inclui tudo, a parte de cima e a suposta concha, que uma colher normal tem...totalmente isenta de curvas...

 

Como se não bastasse, onde supostamente seria a concha era um circulo achatado mas com um buraquito não centrado, não fosse, ás vezes ainda ser possível sorver um pouco do conteúdo da chávena .

 

As colheres do café das máquinas automáticas ainda tolero, é pequeno e normalmente tomasse rápido, embora, evite ao máximo tomar desconfortavelmente um café em copo de plástico a queimar os dedos e mexer o açúcar com um pauzinho...agora...uma meia de leite!? Em que me dá todo o gosto mexer com calma e depois levar a colher à boca para comprovar que está ao meu gosto ou que a temperatura excessiva não me vai provocar soluços...e se o tempo for muito ou então se for um chá, tirarem-me o prazer de ir saboreando colher a colher...

 

É por estas "modernices" que me tiram os prazeres simples, que continuo adepta do tradicional....

 

 


publicado por alma_transparente às 09:56
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Domingo, 6 de Janeiro de 2008

A resposta.

 

 

Meu Ego,

 

Não poderia esperar nada mais de ti senão uma carta de descontentamento por esta fase que estamos a atravessar. Tu completas-me, fazes parte de mim, juntamente com a consciência e todos os outros...e como em qualquer relação de partilha, haverá sempre eternos conflitos de atitudes e discórdia.

 

Ninguém disse que era fácil. Somos todos muito presentes e todos nós queremos ser sentidos, vamos unir-nos, como quase sempre estamos e em vez de querermos sobressair sozinhos vamos ser um só fantástico, não digo perfeito, mas o mais fantástico que conseguirmos para nós próprios, sem o fazer em função dos elogios, que tu, meu ego, tanto gostas.

 

A consciência diz-me que só assim, unidos, poderemos ser um só interessante.

 

Agora, não me pregues destas partidas de tentares ser autónomo. Todos nós gostamos do equilíbrio, em tudo, e para não nos sentirmos malucos e com múltiplas personalidades...peço-te, por favor controla os espasmos de egoísmo e fala-me baixinho, encontramo-nos cá dentro, sem ser preciso mostrar nada a ninguém...

 

A que faz parte de ti...

 

 

 

 

 


publicado por alma_transparente às 16:58
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 4 de Janeiro de 2008

Inconformismo

Num passeio obrigatório pela minha cidade deparo-me com um grupo de italianas incrédulas  paradas em frente a uma livraria histórica. Quando me aproximei e elas partiram, reparo que na maçaneta da porta (fechada) deixaram nada mais do que uma folha A4 escrita com um sedutor italiano (que eu gostava tanto de dominar),

 "Uma vergonha, um monumento nacional estar fechado num dia normal !!", e não pude deixar de sorrir e admirar o acto.

 

Porque havia de ser assim mesmo, quando não concordássemos com alguma coisa ou achássemos que estava mal, tínhamos que dizer, independentemente da forma... eu preferiria escrever, seria interessante andar com um bloco de folhas, onde muitas vezes poderia apenas escrever, porque está com essa cara? e deixar no balcão da cgd ...por exemplo...

 

 

E se...

...disséssemos tudo aquilo que pensamos...

...fizéssemos tudo aquilo que temos vontade...

 

 


publicado por alma_transparente às 09:54
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quinta-feira, 3 de Janeiro de 2008

Deixa-te ir...

 

 

 

...dançamos ao nosso ritmo...

 

 

 

 

 

 


publicado por alma_transparente às 19:32
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 1 de Janeiro de 2008

A carta.

  

Hoje escrevo-te, no 1º dia do ano 2008...em demência..., escrevo-te a ti, sim, que não passas de mim, sou o teu ego...

 

Apetece-me dizer-te para te decidires, para te deixares de dúvidas e medos estúpidos, e principalmente para te lembrar que quando queres mesmo consegues.

 

Diz-me uma coisa que não tenhas conseguido quando quiseste mesmo??...o problema estará em teres poucas coisas que queres mesmo, ou se calhar, até nenhumas, ultimamente contentas-te  com o que tens, sem querer nada realmente...aposto que a culpa será dessa p***, a insegurança, que anda a ocupar demasiado de ti.

É só comigo que gritas? E ela!?

 

E mais, não gosto de ti quando escreves aqui, atrofias-me...estou habituado a ti num outro contexto, em que me deixas à vontade...em que me deixas atravessar-te para que as pessoas me sintam como sou saudável e equilibrado, às vezes exagerado...quando fico cheio de graça e não me resistem...deixa-me...!

 

Agora pensa em tudo o que te disse e se me quiseres responder estás à vontade, estarei sempre aqui, mais ou menos sentido...às tuas ordens!

 

O teu, ego...

 

 


publicado por alma_transparente às 23:25
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Domingo, 30 de Dezembro de 2007

2008

 

O final de um ano é sempre uma data que me deixa assim...faço introspecção, penso no que passou, nas coisas que fiz, nos lugares e pessoas novas que conheci...

 

2007 foi um ano com conteúdo, interessante q.b....e o balanço final é positivo...havendo, claro, sempre eternas questões que ficam com respostas incompletas...e outros pontos não resolvidos...

 

Agora, 2008...quero que seja o ano que vai quebrar  círculos viciosos...os mentais e de atitudes, ano de limar arestas e de criar novos cantos pontiagudos...daqueles necessários.. 

 

A passagem para um novo ano traz uma lufada de ar fresco...fictícia. De um dia para o outro acordamos, com uma lista de resoluções para supostamente cumprir. Somos crentes em acreditar, que, por mudarmos um número isso nos vai trazer aquela vontade de fazer as coisas de forma diferente...

No meu mundo, aproveito não só a passagem de ano, como a data do meu aniversário, o dia em que chove, em que não há vento na praia, etc... para usar como pretexto para novas resoluções...e desta maneira, obrigo-me a acreditar que cada dia pode trazer uma lufada de ar fresco ou então uma garrafa de oxigénio...

 

Para além de tudo isto...

 

Vai ser ano  bissexto. Esta palavra tem sido proferida por várias pessoas que me rodeiam, acompanhada de olhares penetrantes e de um leve franzir de sobrolho...e eu, alheia e esperançosa em alguma intervenção divina ou deusivina ou budivina ..., para além da explicação real e sem piada nenhuma, tenho perguntado, quando me afirmam; 2008, é ano bissexto! com ar enigmático, eu solto um; isso é bom ou mau???

Até agora só tenho recebido respostas lógicas, e já me atiraram com um, vai ser o que fizermos dele... eu na esperança de ter uma resposta, do tipo, é a fatalidade, vamos morrer todos com um ataque de riso, ou então, vai sair o euromilhões a toda a gente, mesmo a quem não joga, só porque é ano bissexto...já me estava a sentar à espera que o bissexto fizesse tudo por mim e afinal...

 

 

 

 

 


publicado por alma_transparente às 00:13
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 28 de Dezembro de 2007

Saber desistir...

000k7346

 

Apanhaste-me distraída...com o trabalho...com o que vai acontecendo de muito ou pouco importante...foi nesse momento, quando já não me lembrava de ti, que o telemóvel me acordou com aquele toque diferente, que na altura escolhi, para que não fosse preciso ver o visor para saber que eras tu...

 

 


publicado por alma_transparente às 09:31
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Quarta-feira, 26 de Dezembro de 2007

Medo

 

Raramente confesso o meu medo, mas este é excessivo e está visível em mim...

 

Armei-me em benemérita, com metástases de caridade devido ao natal, e o resultado foi, a excelente ideia, de levar quatro crianças ao cinema. E são quatro porque são dois afilhados, e a irmã da afilhada, porque coitadinha não ia ficar em casa sozinha, e o primo da afilhada porque também é amiguinho da escola do afilhado e tal... e eu que me arranje...

 

Mas já tenho alternativas, a primeira falhou, que foi um grito mudo de pedido de reforços, um subtil, ó mãe, não queres ir ao cinema amanhã?....com um rápido e seco, não, vou dormir de tarde... What ??

 

As pestes são adoráveis, com 6 e 7 anos. Quando estão todos juntos, ficam possuídos. 

A energia e genica triplica, dão corda aos sapatos e mais ninguém  os apanha, a tentativa de comunicarem é feita em volume máximo, assim como os risos. Cada um tenta superar o outro no que diz respeito a fazer as piores partidas...etc, etc, etc, etc ...

 

Soluções:

 

- Crachás com os nomes, moradas, e o meu número de telemóvel.

 

- Uma trela, daquelas para os cães, e que os americanos usam para controlarem os filhos, com um raio de 1 metro.

 

- Vou ver se arranjo também umas mordaças, se calhar é muito forte, vá lá, uns lencinhos para lhes tapar a boquinha...

 

Eu vou levar vestida uma t-shirt a dizer, não sou  a mãe nem a responsável por qualquer dano material!

 

Ai...quem me manda a mim ter ideias....

 

Amanhã, por esta hora, já tudo terá passado e no fim vou dizer (...se não perder nenhum, se não formos proibidos de voltar aquele centro comercial, se não ficarmos a limpar a sala devido às pipocas e sumo que vão querer...)...que estupidez ter tido medo, nem sei porque duvidei da minha capacidade ...

 

MEDO, estou com MEDO!!!!

 

yipes. fotosearch- busca de ilustraçõesclipeart e desenhos

 

e isto tudo porque adoro crianças...

 


publicado por alma_transparente às 01:17
link do post | comentar | favorito

Já foi...

 

Acabou o natal...por este ano. Um mês de antecedência a pensar na noite e no dia, para que tudo corra bem, para que não falte nada, as prendas, o jantar e almoço, os doces...e pufff ...acabou!!!

 

Este ano percebi porque o Pai Natal precisa de ajudantes, o meu pai assume o papel de Pai Natal cá em casa, Pai Natal à civil, sem a barba e os óculos, sim, óculos, esse bem essencial que, vá se lá saber, ainda não foi adoptado por ele e que nos pouparia a hora e meia de distribuição de prendas, em que, ora era dado a este, e afinal era daquele, ora era dito que era da mãe para o pai, e afinal era do pai para a mãe, e por aí fora...haja alegria e paciência...para descomprimir optamos por começar a soltar uns sonoros EIEIEIEIEIEIEIEIE !!!! quando o presente era entregue à primeira, à pessoa certa!

 

Mas onde estaria a piada se não fosse assim!?!?!

 

Percebi, também, que o volume das prendas é uma montanha russa, varia com a idade, eu estou no ponto baixo, em que as prendas de todos cabem numa saca só...mas não me queixo de maneira nenhuma ! 

 

E foi assim...

 

 


publicado por alma_transparente às 00:31
link do post | comentar | favorito
Domingo, 23 de Dezembro de 2007

Utopia?

Será assim... ardente, o nosso amor...quando for ...

 

Amor ardente!

 

 

Não vai haver solução, teremos de nos conformar com isso, de aceitar e desfrutar... não vamos poder dizer que não, será a sina da nossa vida, será arrebatador como nunca antes...

 

Estás a ler? É isso que vai acontecer, nem mais! Aliás...vai acontecer tudo mais... vai acontecer tudo a que temos direito.

 

Escrevo para ti... sim... tu, que és especial, que me vais prender a ti por nada, disposto a tudo por mim. Tu, que és aquela pessoa que eu não consigo definir, que não consigo dizer qual a razão porque gosto de ti, só porque sim, ou então, porque me fazes rir, me olhas nos olhos, que tem presença e sabe estar...que me arrepia só de olhar e pensar....és aquela pessoa simples que procuro, que me simplifica a vida...mesmo que não seja sempre simples, és aquele por quem vale a pena lutar, zangar e gritar..., e mesmo assim, não haver descobertas na tua maneira de ser, continuares a ser aquele com quem vivo um amor ardente.

Amor ardente eterno, será possível? Claro que não! Será ardente e depois vai ser sereno e tranquilo.

 

Vamos viver as melhores e mais fortes formas do Amor! Será assim...

 

 


publicado por alma_transparente às 22:35
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 21 de Dezembro de 2007

I love spinning!

 

Às vezes é preciso estar numa sala fechada, com música acima do razoável, com as energias no limite, a suar como nunca, com um belo exemplar masculino de 1.90m, vestido de licra a deixar transparecer os abdominais definidos, com energia que contamina quem o rodeia...a piscar-nos o olho e a cantar, "you are free to do what you want to do", para me lembrar do essencial...

 

 

" MEU CORPO DE GAIVOTA......."

Foto de Glover Bareto

 

 I`m free!!!

 

 


publicado por alma_transparente às 00:41
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 19 de Dezembro de 2007

Expectativas

 

Ontem acordei a pensar que ao final do dia iria nadar, como habitualmente..., depois do almoço, pensei que, afinal, depois do trabalho ia directa para casa e para cama, os sintomas de gripe com o cansaço estavam a manifestar-se..., a meio da tarde, recebo um convite para ir ao teatro à noite...

 

Cada vez mais, penso, que não vale a pena pensar.

 

O truque estará na capacidade de não criar expectativas, não esperar nada, para, na melhor das hipóteses, receber tudo. O que se não acontecer, também não será problema uma vez que nada era esperado.

 

Seria tudo tão mais simples.

 

 

 

 

 


publicado por alma_transparente às 18:15
link do post | comentar | favorito
O que sou hoje, não o fui ontem nem o vou ser amanhã...

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 1 seguidor

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Apeteceu-me

. Sabores

. Curioso

. Aqui também??

. Proposta

. Conceito de tempo

. Palavrinhas...

. Isto é real!

. Portugal, o paraíso!

. Desencontros

.arquivos

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

RSS